17/01/2024 às 15h22min - Atualizada em 17/01/2024 às 15h22min

jovem colocando celulares em hidrante de prédio antes de ser encontrada morta em SC

Suspeita é de que homem matou jovem e cometeu suicídio. Corpos foram encontrados no domingo, mas imagens que mostram a vítima foram feitas um dia antes.



 

A Polícia Civil analisa as imagens das câmeras do prédio de alto padrão onde Eduarda Gorgik, de 25 anos, foi encontrada morta junto com o companheiro em Itapema, no Litoral Norte. Entre elas está o vídeo que mostra a jovem no corredor, colocando dois celulares na caixa do hidrante e voltando para o apartamento do casal (assista acima).

A mulher e o homem, identificado como Sérgio Correa, apontado por matar a jovem e cometer suicídio, foram encontrados no domingo (14). As imagens de monitoramento, no entanto, são de um dia antes, por volta das 17h21 de sábado (13).

A motivação do crime ainda não foi esclarecida, mas poderá ser detalhada com as informações coletadas nos dois dispositivos, segundo o delegado Ícaro Malveira, responsável pelo caso.

 

"Não sabemos ainda o motivo de os aparelhos celulares terem sido colocados no hidrante, mas certamente o laudo pericial e os depoimentos vão dirimir essa dúvida", disse o delegado.

 

Em respeito ao luto dos familiares e amigos, a polícia planeja ouvir as testemunhas a partir de quinta-feira (18).

 

Imagens mostram casal saindo de casa

 

Além da imagem que mostra Eduarda no corredor, a Polícia Militar afirmou que as câmeras também filmaram o casal descendo do elevador às 16h30 de sábado. Vizinhos do casal afirmaram à PM que viram o casal pela última vez em um churrasco no salão de festas do edifício.

Em depoimento, testemunhas disseram, ainda, que não ouviram barulho de tiro e nem briga entre os dois.

 

Crime

 

As mortes de Eduarda e Correa foram descobertas após um funcionário do homem encontrar o casal no apartamento. O prestador foi até o prédio após não conseguir contato com o chefe e encontrar o celular das duas vítimas dentro do hidrante.

Além dos aparelhos celulares, a arma encontrada no apartamento foi encaminhada à Polícia Científica para análise.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp