22/06/2023 às 15h02min - Atualizada em 23/06/2023 às 00h00min

Supermercado Pinheiro eleva interatividade com os consumidores com o uso do código 2D

Implantação de QR Code nas embalagens dos produtos traz informação de fácil acesso

SALA DA NOTÍCIA Comunicação
O avanço da conectividade nas embalagens proporcionou uma relação mais próxima entre o consumidor e as informações sobre um produto a ser comprado no mercado por meio de tecnologias como o código 2D e o GS1 Digital Link.
 
Com as etiquetas 2D, como o QR Code, é possível realizar leituras de forma mais dinâmica e precisa, assim como inserir um maior número de informações diretamente na embalagem. Por meio da leitura desse código com um smartphone, pode-se encontrar desde dados sobre a origem de um produto até dicas de como utilizá-lo.
 
O Supermercado Pinheiro é um exemplo do uso dessa inovação que beneficia o funcionamento interno e promove a interatividade entre a empresa e os seus consumidores. “Através do código 2D, temos um maior controle de validade, lote e registro dos produtos, e também conquistamos a possibilidade de interagir com os nossos clientes”, comenta George Menezes, Gerente de TI do Supermercado Pinheiro.
 
A implantação realizada pela varejista, utilizando os QR Codes com o GS1 Digital Link, permite que os clientes acessem um espaço virtual com informações aprofundadas sobre os itens nas prateleiras. Na área de produtos alimentícios, inclusive receitas são inseridas nas embalagens através dessa tecnologia, visando melhorar a experiência de compra nos estabelecimentos.
 
Ao mesmo tempo em que promove o acesso às informações desses produtos, a ferramenta possibilita a divulgação de conteúdos e ofertas, gerando uma relação mais próxima com os compradores. Nesse sentido, o Supermercado Pinheiro inseriu a tecnologia na sua de linha de mercadorias de marca própria, fortalecendo a relação com o consumidor e promovendo a fidelização.
 
Para o Diretor Comercial do Supermercado Pinheiro, Alexandre Pinheiro, o avanço implementado na organização é uma tendência que precisa ser replicada por toda a cadeia produtiva. “A gente está colocando no mercado essa nova tecnologia, e só com a adesão de grande parte dos fornecedores e dos varejistas a gente vai conseguir espalhar essa tecnologia pelo Brasil”, argumenta Pinheiro.
 
A procura por novas formas de atender o consumidor utilizando a tecnologia também otimiza o funcionamento interno das organizações. Por meio do código 2D as empresas podem automatizar a inserção das informações sobre os produtos comercializados, fomentando a produtividade e reforçando a segurança na hora da compra. “Nos diferenciamos a partir do momento que a gente começa a entregar outros valores, não só para os nossos clientes, mas também para fornecedores e colaboradores", reflete George.
 
Saiba mais detalhes aqui  

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp