24/03/2023 às 09h57min - Atualizada em 24/03/2023 às 12h03min

Homem é preso em Rio das Ostras por capturar papagaios e revender em várias regiões do estado do Rio

Ele é apontado pela Polícia Civil como um dos maiores caçadores ilegais da região.

G1 - REGIÃO DOS LAGOS
https://g1.globo.com/rj/regiao-dos-lagos/noticia/2023/03/24/homem-e-preso-em-rio-das-ostras-por-capturar-papagaios-e-revender-em-varias-regioes-do-estado-do-rio.ghtml

Ele é apontado pela Polícia Civil como um dos maiores caçadores ilegais da região. Papagaios da espécie chauá foram apreendidos e homem preso em Rio das Ostras pela Polícia Civil
Polícia Civil/Divulgação
Um homem foi preso pela Polícia Civil de Rio das Ostras (RJ) por capturar papagaios e revendê-los em diversas regiões do estado.
Os agentes encontraram, na casa dele, oito papagaios, sendo que seis foram capturados no dia 1º de março.
Segundo informações da Polícia Civil, o homem já vinha sendo monitorado há algum tempo e é apontado como um dos maiores caçadores ilegais da região.
Ele capturava os animais na região de mata no distrito de Serrinha, em Campos dos Goytacazes, e depois os revendia por toda a região Norte, Noroeste e também na Região dos Lagos.
Risco de extinção
O papagaio-chauá ou "cabeça vermelha" é considerado um animal com risco de extinção e, atualmente, é encontrado em pequenos grupos na Mata Atlântica. A captura e a venda desses animais são crimes ambientais e de caça ilegal de animais silvestres.
O homem foi levado para a delegacia de Rio das Ostras, autuado em flagrante.
Já os papagaios apreendidos foram encaminhados para a Guarda Ambiental e depois para a reserva da União.

Fonte: https://g1.globo.com/rj/regiao-dos-lagos/noticia/2023/03/24/homem-e-preso-em-rio-das-ostras-por-capturar-papagaios-e-revender-em-varias-regioes-do-estado-do-rio.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp