13/03/2023 às 15h08min - Atualizada em 14/03/2023 às 00h00min

Evasão de classe privilegiada encontra espaço seguro nos Estados Unidos

Nos últimos anos, houve uma mudança no perfil do imigrante brasileiro.

SALA DA NOTÍCIA Samantha di Khali Comunica
Divulgação
Nos últimos anos, houve uma mudança no perfil do imigrante brasileiro. De acordo com pesquisas recentes, entre janeiro e novembro de 2022 o número de vistos e pedidos de residências para os Estados Unidos, feito por brasileiros com ensino superior foi o maior dos últimos 22 anos.
E essa "evasão de cérebros" continua neste ano. As razões variam entre fuga da violência, da insegurança política e econômica com a procura por melhores oportunidades de trabalho, custo de vida, educação e qualidade de vida. A estes profissionais especializados são exigidos, além das comprovações acadêmicas e vasta experiência, razões pelas quais os Estados Unidos necessitam destes “cérebros”. As áreas que mais empregam estes imigrantes qualificados são saúde, logística, engenharia, aviação e tecnologia da informação (TI).
Muitos brasileiros de alto poder aquisitivo estão investindo no mercado imobiliário do sul da Flórida e transferindo negócios, o que contribui ainda mais a vinda de famílias inteiras para uma nova vida na américa.
A advogada Ingrid Domingues McConville, com mais de 28 anos de experiência em imigração, acredita que cada vez mais os Estados Unidos vão necessitar de trabalhadores especializados e por isso o visto EB-2 NIW se tornou um dos principais caminhos migratórios para profissionais com habilidades excepcionais, porém, é um visto que exige um acompanhamento por um advogado, pois é bem minucioso em relação ao empreendimento proposto e sua importância para os Estados Unidos.
Dentre os critérios exigidos para pessoas de Capacidade Excepcional ou profissional de Grau Avançado, o mais importante é  demonstrar que é do interesse nacional que o imigrante trabalhe permanentemente nos Estados Unidos.
A solicitação de um visto de residência nos Estados Unidos é muito complexa, por isso o planejamento e execução tem que ser muito bem delineado e definido.
O Departamento de Estado dos EUA estima que, no ano fiscal de 2023, o governo americano terá 197 mil green cards de trabalho (vistos EB) disponíveis para emissão.
Quer saber mais sobre o assunto entre no   https://instagram.com/dmvisalaw?igshid=YmMyMTA2M2Y=
 * Ingrid Domingues-McConville fundou a DM VISA LAW - Domingues McConville, P.A. em 1995.  É membro da Ordem dos Advogados da Flórida desde 1995 e membro do Tribunal Distrital dos Estados Unidos, Distrito Sul da Flórida.  Ingrid obteve seu diploma de graduação em Psicologia pela Universidade de Miami em Coral Gables, Flórida e seu diploma de Direito pela Cleveland-Marshall College of Law em Cleveland, Ohio. Com 28 anos de experiência em Direito de Imigração, Ingrid representou clientes em todo os Estados Unidos e no mundo, tanto em questões de imigração empresarial quanto familiar.  Ajudou empresas e indivíduos a obterem vistos e residência permanente nos Estados Unidos. Ingrid desempenha um papel de liderança significativo na comunidade brasileira no sul da Flórida e em todos os Estados Unidos, fornecendo orientação e aconselhamento jurídicos muito necessários.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp