08/02/2023 às 21h15min - Atualizada em 09/02/2023 às 00h00min

Edital TJSP publicado: 400 vagas imediatas com iniciais de R$ 5.480,54

Tribunal é considerado o maior do mundo em volume de processos

SALA DA NOTÍCIA Gran
Gran
Divulgação

 

O edital para o concurso do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo foi publicado. Conforme o documento, serão ofertadas 400 vagas imediatas de nível médio vinculadas à Comarca da Capital para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário, com remuneração de  R$ 5.480,54. A Fundação para o Vestibular da UNESP – VUNESP é a banca organizadora do certame e receberá as inscrições no período de 17 de fevereiro a 28 de março de 2023, no site www.vunesp.com.br. A taxa de inscrição está no valor de R$ 81,00

Segundo o edital, as provas estão previstas para acontecer em 28 de maio de 2023. Haverá prova objetiva composta por 24 questões de Língua Portuguesa; 40 questões distribuídas em Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Processual Civil, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Normas da Corregedoria Geral da Justiça; e 26 questões de Conhecimentos Gerais, sendo 6 de atualidades, 6 de matemática, 14 de informática e 10 de raciocínio lógico. Ainda haverá prova prática para verificar o conhecimento e habilidades do candidato utilizando em edição de texto no computador no ambiente gráfico Microsoft Windows.


Como fica o concurso de 2021

No dia 2 de fevereiro o Tribunal prorrogou a validade do concurso feito em 2021. Na época, o concurso foi unificado, ou seja, para todas as 10 regiões administrativas Judiciárias do estado de São Paulo. No entanto, as nomeações na 1ª região, mais especificamente na Comarca da capital, andaram muito rápido, e mesmo assim a expectativa é que precise de mais profissionais para a área. Segundo o Coordenador da Carreira de Tribunais do Gran, Vandré Amorim, todos os aprovados para a capital serão nomeados, e ainda assim haverá necessidade do concurso para a comarca, por isso o órgão fez a publicação.

Ontem o tribunal fez um comunicado informando que tem como meta a contratação de 2.350 ainda este ano, isso só confirma a necessidade deste edital. Lembrando que o TJ SP é considerado o maior tribunal do mundo em volume de processos”, destacou.


O especialista listou algumas dicas de preparação para quem quer ir bem na prova.

1. A banca Vunesp é uma banca tradicional para os concursos do TJSP. Então o candidato deve obrigatoriamente conhecer o perfil da banca, para isso é necessário fazer muitas questões para entender como ela cobra cada disciplina.

2. A Vunesp tem uma particularidade porque cobra questões extremamente diretas. A parte de legislação, por exemplo, é muito comum ter que ter o conhecimento da letra seca da lei, conhecer as leis com o famoso “decobreba”, ler muito e muitas vezes a mesma lei. Não há necessidade de aprofundar em alguns assuntos por meio de livros, doutrinas, a própria jurisprudência dos tribunais raramente é cobrada.

3. As questões de raciocínio lógico e matemática também costumam ser bem objetivas, geralmente questões de cálculo e raciocínio rápido. 

4. O concurso vai ter 100 questões, desse total, algumas disciplinas terão número muito grande, então é necessário foco sobretudo nessas matérias. No entanto, o candidato não pode negligenciar as disciplinas que terão menos questões. Isso porque esse é um concurso com um ponto de corte muito elevado. O concurso de 2021, por exemplo, para a capital, teve o ponto de corte em 86, ou seja, de 100 questões o máximo que se permite errar foram 14 questões.

5. É importante dar uma atenção especial para a parte de Língua Portuguesa, pois essa disciplina terá 24 questões, quase ¼ da prova.

6. No pós-edital o aluno precisa se preparar pensando de maneira mais objetiva. O tempo é curto para estudar com calma todo o conteúdo de maneira muito minuciosa. Nesse momento é fundamental focar na leitura da lei seca, fazer muitas questões e fazer muitas revisões, estudar de meio de resumos, de forma mais objetiva e direta possível. 

7. Esse é um concurso que tem um conteúdo programático muito parecido e próximo de outros concursos na área da tribunal e Ministério Público. Não é um concurso com conteúdos muito específicos. Por isso, quem está se preparando para essa área acaba estudando para um concurso e aproveitando muito para outros certames. Isso quer dizer que se o candidato não conseguir êxito ele pode aproveitar muito do que estudou para outras provas. 

8. O edital abriu com 400 vagas, sendo 300 para ampla concorrência, mas a expectativa é que se esgote todaa listagem do cadastro reserva, que pode chegar a 2 mil pessoas, ou seja,1.500 da lista geral, 100 pessoas com deficiência e 400 vagas para negros. 

9. A prova prática será uma prova de formatação e digitação, ou seja, o aluno vai receber um texto e vai ter que digitar e formatar em padrões previamente definidos. No entanto, não é o momento de pensar nisso, agora o aluno deve pensar única e exclusivamente na prova objetiva. Após a prova objetiva, o candidato pode focar nessa preparação.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp