16/12/2022 às 21h07min - Atualizada em 17/12/2022 às 00h02min

Cão bull terrier mata pinscher após ataque na Praia dos Cavaleiros, em Macaé

Várias pessoas tentaram intervir para salvar a cadelinha, que chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos graves ferimentos. Bull terrier, segundo a Polícia Civil, estava sem focinheira.

G1 - REGIÃO DOS LAGOS
https://g1.globo.com/rj/norte-fluminense/noticia/2022/12/16/cao-bull-terrier-mata-pinscher-apos-ataque-na-praia-dos-cavaleiros-em-macae.ghtml
Várias pessoas tentaram intervir para salvar a cadelinha, que chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos graves ferimentos. Bull terrier, segundo a Polícia Civil, estava sem focinheira. Um cão da raça bull terrier atacou e matou uma cadela pinscher na Praia dos Cavaleiros, na manhã desta quinta-feira (15), em Macaé, no Norte Fluminense.
De acordo com a Polícia Civil, a tutora da cadela estava com seu animal na areia da praia, por volta de 9h30. O local estava cheio, com muitas crianças. Em um determinado momento, o bull terrier derrubou o próprio dono e correu para atacar a pinscher.
Segundo testemunhas, diversos banhistas tentaram salvar o animal durante o ataque, inclusive o próprio dono do cachorro, que também acabou sendo ferido ao tentar impedir que o seu cão continuasse atacando a pinscher.
Policiais militares auxiliaram na ocorrência e com ajuda de uma pessoa conseguiram separar a briga.
A dona da cadela ainda tentou socorrer o animal levando-o para uma clínica veterinária, mas a pinscher não resistiu aos ferimentos e morreu.
Ainda de acordo com o boletim da Polícia Civil, o bull terrier não estava com focinheira e usava apenas uma guia de peito.
O dono do cachorro foi identificado e agora será intimado a prestar depoimento. Ele responderá por maus-tratos seguido de morte de animal.
O ataque foi filmado por câmeras acopladas ao uniforme dos militares.
O Subsecretário de Proteção Animal de Macaé, Luan Campos, lamentou a morte da cadela e disse que existem legislações em vigor na esfera estadual, lei 4.597/2005, e municipal, lei 3.098/2008, que dispõem sobre a obrigação da circulação e permanência de cães em áreas públicas do município com equipamentos de segurança obrigatórios, como a focinheira.
Campos ressaltou ainda que as leis prevêem multa ao proprietário e apreensão do animal nas hipóteses de reincidência do descumprimento da lei, abandono do animal ou ataque deste a pessoa ou a outro animal.
A polícia informou que a ocorrência foi registrada na 123ª Delegacia de Polícia de Macaé. Segundo a Civil, o cachorro, por enquanto, continua com o seu dono.

Fonte: https://g1.globo.com/rj/norte-fluminense/noticia/2022/12/16/cao-bull-terrier-mata-pinscher-apos-ataque-na-praia-dos-cavaleiros-em-macae.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://wechannel.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp